Última Hora

Jogadores e técnico explicam o caminho para sair com bom resultado em Caruaru

Por: Barroso Futebol Sergipano - March 10, 2016

Jogadores estão confiantes em conquistar resultado positivo contra o Central em Caruaru (Crédito: Divulgação)

Por: Rômulo Oliveira / Redação Futebol Sergipano

O Sergipe está a poucas horas de entrar em campo pela segunda rodada do grupo A7 do Campeonato Brasileiro da Série D. Neste domingo, 29, às 16h, a equipe comandada por Edmilson Silva encara o Central no estádio Lacerdão, em Caruaru-PE. E os jogadores rubros entendem que a equipe jogou bem contra o ASA na primeira rodada, mas que devem caprichar mais contra o Central para sair de campo com um bom resultado.

Para o atacante Nino Guerreiro, a partida contra o Central será difícil, mas o time tem totais condições de sair vitorioso dentro de campo. “Jogamos muito bem (contra o ASA, na primeira rodada). Tivemos posse de bola, qualidade no passe. E como nós estamos conversando no dia a dia, o professor Edy (Edmilson Silva) vem trabalhando essa chegada com mais gente dentro da área. Eu acho que estamos chegando com pouca gente dentro da área. Eu acho que temos que caprichar um pouco mais no último passe ali, termos um pouco mais de tranquilidade no momento de definição para que assim a gente possa fazer os gols e ajudar a equipe do Sergipe”.

Para o volante Brendon, o pedido do técnico Edmilson Silva é que a equipe arrisque mais chutes a gol, cruze mais bola aérea e tenha mais agressividade. “O professor (Edmilson Silva) foi lá assistir o jogo (Jacuipense 1×1 Central) e ele passou para a gente que é um time muito perigoso, onde tem uma boa bola parada. Que é para a gente evitar as faltas ali perto da área”.

O técnico Edmilson Silva analisa que o time precisa melhorar o poder ofensivo com chutes a gol, cruzamentos e bolas paradas. “Acho que a gente ganha muito com isso. Acho não, tenho certeza! É a única coisa que está faltando para o nosso time: é acertar a parte ofensiva. O resto: parte tática, noção tática, acompanhamento de todos os comandos que eu dou: eles fazem tudo. Eles são perfeitos em vários quesitos. A gente só tem que apertar um pouquinho essa parte ofensiva, fazer o Nino (Guerreiro) movimentar um pouco mais, vim pro jogo, não ficar tanto tempo parado, vim pro jogo – isso eu estou cobrando muito dele. Ele já fez um grande treino hoje (quarta-feira). Fiquei muito feliz com o treino que o Nino fez. Muita gente, às vezes, fica falando que eu deveria tirar o Nino, mas eu confio muito nele. Ele é um artilheiro e a gente tem que dar um suporte pro Nino e não deixar o Nino sozinho. Então a gente tem que fazer um trabalho de aproximação ofensiva, porque na parte de meio-campo e defensiva a gente está muito bem”.

Outras Categorias:
Barroso Futebol Sergipano
Radialista e jornalista Barroso Guimarães começou no rádio esportivo em 1986, na Liberdade AM, na equipe esportiva de Carlos Magalhães.