Última Hora

No Clássico Maior, Sergipe e Confiança ficam no 1 a 1 e com chances de classificação

Por: Barroso Futebol Sergipano - March 10, 2016

Clássico na Arena Batistão fica no 1 a 1 (Crédito: Felipe Martins ADC e Globoesporte SE)

Por: Rômulo Oliveira / Redação Futebol Sergipano

Com gol de Nino Guerreiro, que voltou a marcar para o Sergipe no dérbi, e Léo Ceará, que saiu do banco para balançar a rede para o Confiança, o Clássico Maior na Arena Batistão, em Aracaju, ficou no 1 a 1. O duelo, que aconteceu na tarde deste domingo, 18, foi válido pela terceira rodada do Hexagonal do 100º Campeonato Sergipano de Futebol.

O resultado manteve o Sergipe na vice-liderança do Hexagonal com cinco pontos, enquanto que o Confiança está na quarta posição com três pontos. Se a segunda fase terminasse agora, o Sergipe faria a final do Sergipano com o Itabaiana, líder com sete pontos.

Mas o Sergipe continua dependendo de si. O time comandado por Elias Borges volta a campo no domingo, 25, às 17h, na Arena Batistão, em Aracaju, para enfrentar o Itabaiana pela quarta e penúltima rodada do Hexagonal. Quem vencer, assume a liderança – para o Itabaiana, seria liderança e vaga garantida na final; o Sergipe ficaria na liderança e dependeria de um empate com o Lagarto, em casa, na última rodada, para ir à final.

O Confiança também depende de si. O time comandado por Luizinho Lopes volta a campo na segunda-feira, 26, às 20h, para enfrentar o Boca Junior na Arena Batistão, em Aracaju, pela quarta e penúltima rodada do Hexagonal. Será um jogo relativamente fácil para o time proletário, já que o Boca é o lanterna da segunda fase com nenhum ponto. E a vitória pode deixar o Dragão na vice-liderança do Hexagonal – na última rodada, precisaria vencer o clássico contra o Itabaiana para ir à final.

O JOGO

Uma partida ruim no primeiro tempo. As equipes pouco criaram devido a pouca inspiração dos atacantes. E só aos 19 minutos, em bobeada da zaga rubra, o atacante Frontini chutou da entrada da área, a bola desviou no zagueiro e quase entrou. No escanteio cobrado por Raí, Iago chutou do segundo pau e a zaga do Sergipe tirou em cima da linha – o Confiança chegou até a gritar gol.

A resposta do Sergipe aconteceu aos 26 minutos: Rhuan cruzou da direita, Nino Guerreiro ajeitou de cabeça para Brendon que isolou a bola. Aos 42, mais uma vez Sergipe: em novo cruzamento de Rhuan, Ramalho dominou na entrada da área e mandou rente ao gol. Dois minutos depois, foi a vez do Confiança levar perigo: Frontini avançou pela esquerda e, na área, chutou torto para fora.

Na etapa final, o gol apareceu. Aos 12 minutos, Diogo cruzou da esquerda para a área: Nino Guerreiro apareceu no meio de dois zagueiros e cabeceou firme para abrir o placar na Arena Batistão: 1 a 0 e festa dos colorados.

O Sergipe relaxou na marcação – e estava amadurecendo o gol do Confiança. O Dragão teve a primeira oportunidade aos 19 minutos quando Raí cobrou falta com categoria da entrada da área, mas por cima do gol. Na segunda chance, a bola foi para a rede. Aos 30 minutos, Radar cruzou para a área, Frontini cabeceou e Jean salvou na primeira: Léo Ceará pegou o rebote e mandou para a rede: 1 a 1, e festa dos proletários.

E, por pouco, o time proletário não virou o jogo. Aos 36 minutos, em boa arrancada pela direita, Diogo cruzou, a bola passou na cara do gol e ninguém completou. Aos 39, Diogo recebeu na direita e chutou firme: Jean espalmou. As equipes seguiam no ataque, mas o placar não se alterou: 1 a 1.

Outras Categorias:
Barroso Futebol Sergipano
Radialista e jornalista Barroso Guimarães começou no rádio esportivo em 1986, na Liberdade AM, na equipe esportiva de Carlos Magalhães.