Última Hora

Pombo sem Asa

Por: Barroso Futebol Sergipano - March 10, 2016

Washington 250314

Washington Nascimento

 

Mais um ponto precioso

Na tarde deste domingo em Ceará-Mirim/RN, no estádio Barretão, com um público de quase 3 mil espectadores (1700 de graça), o Confiança não deu confiança ao Globo e arrancou um empate em 1 a 1.

Foi o Dragão do Bairro Industrial quem saiu na frente do placar. Mas, segundo Antônio Costa, que comentou para José Antônio Marques, com as reportagens de Anderson Machado para a Equipe Cooperase, na rádio Cultura, “o Confiança demorou demais na comemoração” e perdeu a concentração, levando o gol de empate no minuto seguinte.

Durante todo o jogo e principalmente no primeiro tempo, Costa sempre que era chamado a intervir, a dar sua opinião sobre o jogo, praticamente repetia que “o jogo estava de muita marcação, muito truncado e que o Confiança estava preparando o bote para no contra-ataque, chegar ao gol do adversário”.

E foi o que aconteceu. Primeiro vacilo da zaga potiguar e o artilheiro Leandro Kivel marcou. Festa para a torcida alvianil e para todo o Estado de Sergipe.

O jogo teve tudo para ficar na memoria do torcedor: pênalti mal marcado, defesas milagrosas do goleiro proletário Everson, e nos minutos finais, com as mudanças realizadas pelo técnico Betinho, o Confiança partiu prá cima e acuou o Globo que torceu para que o árbitro encerrasse a partida.

E por falar na arbitragem, foi boa a presença do vice-presidente da Federação Sergipana de Futebol Milton Dantas acompanhando o Dragão. Se assim não fosse, a coisa poderia ter sido bem mais difícil dentro de campo. Não foi à toa que foram os proletários os primeiros a levar cartão de advertência – Richardson e Pedrinho. Como também, era o bandeira que marcava o ataque do Globo quem mais errava na marcação, sempre a favor do time da casa. E prá fechar o pacote, a marcação de um pênalti que só o árbitro cearense viu e marcou. Ainda bem que o goleiro azulino fez excelente defesa. Imagina se o time estivesse sem a companhia de uma autoridade da Federação!

Confirmando que é um time maduro, confiante, responsável, bem entrosado e bem orientado, o Confiança não sentiu tanto a falta de Everton e mostrou sabedoria para esperar o adversário se decidir, se mostrar, para encurrala-lo e fazer o seu jogo.

O time proletário permanece invicto no Campeonato Brasileiro da série D e em dois jogos disputados fora de casa foi muito bem e de 6, ganhou 4 pontos. Agora é continuar na mesma toada e avançar firme e forte para a próxima fase.

Outras Categorias:
Barroso Futebol Sergipano
Radialista e jornalista Barroso Guimarães começou no rádio esportivo em 1986, na Liberdade AM, na equipe esportiva de Carlos Magalhães.