Última Hora

Segue a sina! Confiança fica no 2 a 2 com o Bota e acumula sexto empate seguido nesta Série C

Por: Barroso Futebol Sergipano - March 10, 2016

Confiança volta a falhar e fica no empate pela sexta vez seguida (Crédito: Emanuel Rocha/ADC)

Por: Rômulo Oliveira / Redação Futebol Sergipano

Termina mais uma rodada e o torcedor do Confiança não consegue comemorar a vitória do Dragão. Na tarde deste domingo, 1, a equipe proletária empatou em 2 a 2 com o Botafogo-PB na Arena Batistão, em Aracaju, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

Esta foi a sexta vez seguida que o Dragão do Bairro Industrial empatou nesta Série C. A última vitória da equipe proletária foi em 20 de maio, quando o time comandado por Luizinho Lopes goleou o Remo por 3 a 0, fora de casa, no Mangueirão, em Belém-PA. O alvinegro da Paraíba chegou ao sexto jogo sem vencer: a última vitória também foi fora de casa e na sexta rodada: contra o Santa Cruz, por 3 a 2, no Arruda, em Recife-PE.

Rodolfo e Junior Lopes (contra) marcaram os gols do Confiança, ambos no segundo tempo. Clayton Rosas, duas vezes – sendo uma no primeiro tempo e outra no segundo – marcaram os gols do Botafogo.

Com o resultado, o Confiança perdeu a vice-liderança para o Náutico e caiu para a terceira posição com 19 pontos. O Botafogo se-PB se manteve na oitava posição com 14 pontos, um ponto acima do Z-2.

As equipes voltam a campo no próximo fim de semana em jogos válidos pela 13ª rodada do grupo A do Campeonato Brasileiro da Série C. No sábado, 7, às 21h, o Confiança volta a jogar na Arena Batistão, em Aracaju, desta vez contra o Náutico, em duelo pela vice-liderança do campeonato. No domingo, 8, às 19h, será a vez do Botafogo-PB jogar em casa: no Amigão, em João Pessoa, a equipe alvinegra recebe o ABC-RN em duelo para se distanciar do Z-2.

O JOGO

O Confiança dominava as ações no primeiro tempo, mas não era preciso na hora das finalizações. Aos 25 minutos, Iago cobrou a falta direto para o gol e Saulo espalmou. Três minutos depois, a zaga do Belo deu bobeira e Iago cruzou para Raí que chutou firme, mas nas mãos do goleiro.

O Botafogo, que pouco produzia, aproveitou os últimos minutos da etapa inicial para se infiltrar na defesa proletária. Aos 45 minutos, Leandro Kivel entrou na área e isolou a bola. No minuto seguinte, o mesmo Kível lançou para Clayton Rosas que dominou na entrada da área e chutou na saída de Genivaldo: 1 a 0 e vaias da torcida proletária.

E mal começou o segundo tempo o time proletário empatou o jogo. Logo no primeiro minuto, Raí cruzou da esquerda e Rodolfo, mesmo marcado por três marcadores, cabeceou firme para deixar tudo igual: 1 a 1.

Empolgado, o Confiança queria mais. Só que, aos 13 minutos, Tito recebeu na área e foi derrubado pelo zagueiro, mas a arbitragem nada marcou. E, aos 21 minutos, Radar cruzou, Léo Ceará cabeceou, mas nas mãos do goleiro Saulo.

Aos 22 minutos, o alvinegro paraibano ficou em vantagem no marcador mais uma vez. Juninho, em posição duvidosa, cruzou, a bola passou pela defesa proletária e parou nos pés de Clayton Rosas que estufou o gol vazio: 2 a 1.

O Confiança voltou ao ataque e empatou o jogo mais uma vez. Aos 39 minutos, Tito cruzou para a área, o zagueiro Junior Lopes tentou afastar e mandou para o próprio gol: 2 a 2.

CONFIANÇA 2X2 BOTAFOGO-PB

Local: Arena Batistão, em Aracaju

Data: 1/7/2018

Árbitro: Adriano de Assis Miranda (SP)

Auxiliares: Miguel Caetano Ribeiro da Costa (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP)

Renda: R$ 31.926

Público: 3.030 torcedores (2.342 pagantes)

Cartões amarelos: Genivaldo (CONF); Rafael Jataí e Juninho (BOTA)

Gols: Clayton Rosas, 46´/1ºT – 0x1; Rodolfo, 1´/2ºT – 1×1; Clayton Rosas, 22´/2ºT – 1×2; Junior Lopes (contra), 39´/2ºT – 2×2

CONFIANÇA: Genivaldo, Ângelo, Renato Camilo, Rodolfo e Radar; Diogo, (Tito, intervalo), Rafael Villa, Everton Santos (Frontini, 28´/2ºT) e Raí; Léo Ceará e Iago (Ítalo, 35´/2ºT) – Técnico: Luizinho Lopes

BOTAFOGO-PB: Saulo, Gedeilson, Gladstone, Junior Lopes e Daniel; Rafael Jataí (Humberto, 31´/2ºT), Rogério, Clayton Rosas (Carlos Renato, 35´/2ºT) e Juninho; Leandro Kível (Mário Sérgio, 18´/2ºT) e Alex – Técnico: Evaristo Piza

Outras Categorias:
Barroso Futebol Sergipano
Radialista e jornalista Barroso Guimarães começou no rádio esportivo em 1986, na Liberdade AM, na equipe esportiva de Carlos Magalhães.