Última Hora

Sergipe perde para o Goiás e é eliminado da Copa do Brasil

Por: Romulo Oliveira - March 10, 2016

Sergipe está eliminado da Copa do Brasil (Crédito: Youtube)

Por: Rômulo Oliveira / Redação Futebol Sergipano

Fim de linha para os sergipanos na Copa do Brasil de 2019. Uma semana após a eliminação do Itabaiana, foi a vez do Sergipe perder o jogo, ser eliminado na primeira fase e perder a chance de desembolsar R$ 625 como cota para disputar a segunda fase da competição. Na noite de quarta-feira, 13, a equipe rubra perdeu para o Goiás por 2 a 0, na Arena Batistão, em Aracaju, pelo jogo único da primeira fase da Copa.

Jefferson e Renatinho marcaram os gols do time esmeraldino, que enfrenta o CRB-AL na próxima fase do torneio. Enquanto o time goiano fez sete jogos nesta temporada e ainda não perdeu – sendo seis no estadual – o Sergipe mantém uma campanha pífia este ano: em oito jogos, perdeu seis e venceu apenas dois.

As equipes voltam a campo no fim de semana. No sábado, 16, às 16h, o Sergipe enfrenta o Botafogo-PB na Arena Batistão, em Aracaju, pela quarta rodada da Copa do Nordeste – após três jogos realizados, o time ainda não venceu no regional e segue na lanterna do grupo A com 0 pontos. No domingo, 17, às 17h, o Goiás enfrenta o Goiânia pela primeira rodada do 2º turno do Goiano – invicta, a equipe de Maurício Barbieri é líder do grupo A com 18 pontos e está classificada para às quartas de final.

O jogo

Desde o começo do jogo, o Goiás deu trabalho à zaga do Sergipe. Logo aos quatro minutos, Michael entrou na área e foi travado na hora do chute pela zaga rubra. Aos 10, Marlone chutou e Erivelton espalmou. No rebote, Junior Brandão acertou a trave.

O Sergipe mostrou poder de superação e, aos 12, após rápida triangulação, Marinho Donizete chutou e a bola passou rente ao gol de Sidão.

O Goiás seguia melhor e levava perigo ao gol do Mais Querido. Aos 32 minutos, após cruzamento para a área, a zaga do Sergipe afastou mal e Marlone pegou a sobra e chutou: Erivelton fez grande defesa. Aos 42, Renatinho cruzou para a área e Junior Brandão cabeceou firme: a bola passou rente o gol.

O panorama do jogo não mudou na etapa final: o Goiás manteve a pressão e dominava o jogo. A diferença é que os gols saíram. Aos 24 minutos, Marlone cruzou para a área, Renatinho dominou no peito e ajeitou para Jefferson, que encheu o pé para estufar a rede: 1 a 0.

Empolgado, o time esmeraldino ampliou o placar. Aos 31, Brenner recebeu na direita e tocou para Renatinho, na pequena área, chutar para o gol. O lateral do Sergipe, Vitor Trator, tentou tirar a bola, mas ela já tinha passado da linha: 2 a 0.

O Sergipe tentou esboçar uma reação, mas parou em Sidão. Aos 27, em cobrança de falta de longe, Junior Batata encheu o pé e o arqueiro esmeraldino espalmou. Aos 38, Zé Mário cruzou da esquerda, Junior Batata desviou com o pé e Sidão fez milagre.

A equipe goiana respondeu de imediato e quase transformou o placar em goleada. Aos 37 minutos, Brenner recebeu na área e chutou no travessão. Aos 45, Brenner recebeu na entrada da área e acertou o pé: Erivelton caiu para fazer milagre.

SERGIPE 0X2 GOIÁS

Local: Arena Batistão, em Aracaju

Data: 13/2/2019

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Maurício Coelho Silva Penna (RS)

Renda: R$ 59.070

Público: 2.287 pagantes (total: 2.828)

Gols: Jefferson, 24´/2ºT (0x1); Renatinho, 31´/2ºT (0x2)

SERGIPE: Erivelton, Rhuan, Carlos Alexandre, Heverton Luis e Marinho Donizete; Brendon, Ramalho, Natan (Vitor Trator, 22´/2ºT) e Elton (Zé Mário, 26´/2ºT); Geancarlos (Junior Batata, 12´/2ºT) e Maranhão – Técnico: Edmilson Silva

GOIÁS: Sidão, Kevin, Yago, Rafael Vaz e Jefferson; Geovane, Léo Sena (Gilberto Junior, 28´/2ºT), Renatinho e Marlone; Michael (Leandro Barcia, 41´/2ºT) e Junior Brandão (Brenner, 22´/2ºT) – Técnico: Maurício Barbieri

Outras Categorias:
Romulo Oliveira
Radialista e jornalista Barroso Guimarães começou no rádio esportivo em 1986, na Liberdade AM, na equipe esportiva de Carlos Magalhães.